Pagina Inicial

Pagina Inicial
Marco histórico: Principais seguimentos de Simões Filho se reúnem para discutir educação – Imprensa Bahia
Romário Dos Santos

Marco histórico: Principais seguimentos de Simões Filho se reúnem para discutir educação


  •  
  •  
  •  

Representantes dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário em Simões Filho, da Polícia Militar da Bahia e professores e alunos das Redes Municipal e Estadual de Ensino se reuniram, nesta terça-feira (1º), para discutir a atual situação das escolas do município.

O encontro, considerado um marco histórico, nunca antes registrado, tratou, entre diversos assuntos, da melhoria da oferta do ensino público e da segurança nas unidades educacionais.

“Até então, os segmentos nunca antes tinham se reunido para discutir providências, pensar e se envolver para ver como resolver todos os problemas. Isso passa a ser cultural para o crescimento do município”, comemorou o professor Osvaldo Henrique Valença, que leciona no Colégio Manoel de Jesus.

Presente na plenária, o prefeito Diógenes Tolentino afirmou que a situação das escolas municipais tem sido uma preocupação constante do seu governo.

“Todos têm conhecimento do estado de sucateamento que as encontramos no início do ano, mas, desde que assumimos, estamos realizando um trabalho de reorganização. O nosso foco agora são as condições de segurança de cada uma delas. Já temos algumas ações em andamento como o monitoramento das unidades, a ampliação da quantidade de vigilantes e da Ronda Escolar”, informou.

De acordo com o gestor simõesfilhense, estão previstos R$ 10 milhões para a reforma e melhoria das 81 unidades do município, com a implantação de equipamentos modernos de segurança. “Saímos desse encontro com diversos encaminhamentos definidos, entre eles, a criação de um fórum para discutir soluções com toda a sociedade e estabelecer metas para colocarmos a nossa educação no rumo certo”, disse o chefe do Executivo.  

Desde que assumiu a gestão, o prefeito Dinha determinou à Secretaria Municipal da Ordem Pública (Semop) a realização de ações de garantia à proteção a vida, na proteção de bens, serviços e instalações públicas, visando uma educação exercida com mais segurança e tranquilidade para todos. As escola já contam com monitoramento preventivo e com viaturas da Guarda Municipal circulando pelas ruas do entorno das unidades escolares.

“Observamos projetos que sugerem mudanças e que vão beneficiar os alunos que desejam um futuro, que querem estudar de forma direita”, afirmou o estudante do 3º Ano do Ensino Médio do Colégio Alberto Silva, Erico Henrique.


  •  
  •  
  •  
Outras Notícias:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *